Startup Weekend Balneário Camboriú: 2 anos!

Dois anos atrás, neste dia, estávamos no segundo dia da primeira edição do Startup Weekend Balneário Camboriú.

SWBC 2 anos

Créditos da imagem Julia Barreto!

Como organizadores do evento, buscávamos fazer o possível para que todos tivéssemos uma grande experiência, conhecermos muitas pessoas novas, muitas que estavam ali sem saber muito o que era, muitas com a expectativa de aprender mais sobre startup, inovação e empreendedorismo.

Pouco sabíamos que seria um momento chave para o desenvolvimento da nossa comunidade de startups.

Alguns dias depois do evento, muitos ainda estavam no gás, muitos haviam voltado para suas rotinas. Alguns gostariam de fazer aquela experiência se tornar ainda mais wow, e muitos queriam que outras pessoas pudessem ter a mesma experiência. Foi basicamente o que senti quando participei do meu primeiro Startup Weekend em 2015 em Florianópolis.

Naquele mesmo ano, por termos organizado o SWBC2017, tivemos a oportunidade de participar do Techstars Summit em Florianópolis, e foi lá que também conheci muuuuuuuuuitas pessoas super conectadas com o desenvolvimento de comunidades de startups, que acreditam que empreendedorismo, inovação e startups podem gerar um grande impacto em nossa sociedade.

O Summit, como é lembrado por muitos, além de conhecer muitas pessoas legais, pra mim foi um momento de abrir a cabeça. O que pra mim, antes o Startup Weekend era um evento fantástico, agora era muito mais que isso. É principalmente uma ação para desenvolver comunidade, aonde encontram-se pessoas com vários perfis e que podem realmente criar muita coisa diferente.

Ainda em 2017 convidamos algumas pessoas que após o SWBC2017 se engajaram com a causa e resolvemos nos encontrar para dar início ao que chamaríamos de Costa Valley.

A maioria dos que estavam presentes participaram do Startup Weekend ou, foram convidados por quem participou. No dia aproveitamos para compartilhar conhecimentos do Summit com a galera e co-criarmos o que chamaríamos de comunidade. Criamos um grupo de WhatsApp chamado “Comunidade de Startups BC/Itajaí” no dia 02 de dezembro de 2017. Éramos 14 pessoas.

Atualmente o grupo de WhatsApp cresceu e temos mais de 230 participantes, a grande maioria eu nem sei quem são, mas de diversos lugares, diversos backgrounds, e com uma troca muito legal.

Somos abertos a todos que quiserem colaborar com o desenvolvimento do ecossistema da região.

Muito do que tentamos hoje é seguir alguns aprendizados que tiramos de outras comunidades de startups no Brasil e no Mundo. Muito também aprendemos com o livro Startup Communities do Brad Feld, altamente recomendada a leitura¹. Hoje temos grupos de vendas como o Confraria de Vendas, o IxDA BC, os meetups da comunidade entre outros diversos eventos e encontros que acontecem.

Temos arquitetas, designers, programadores, agentes públicos, músicos, videomakers, growth hackers, empreendedores.. Entre vários outros perfis super interessantes, e muito legal também várias startups muito promissoras surgindo.

Uma das coisas que tentamos fazer diariamente é incentivar a participação de todos, sermos inclusivos, e criarmos realmente o senso de comunidade, onde não há um dono ou CEO, não tem que ter a palavra final de uma pessoa para definir o que vai ser feito. Se seguir valores e propósito da comunidade, é só fazer.

Beleza, mas qual foi a razão de ter falado sobre isso e ter chegado a esta parte?

A ideia é voltar a ativar esse blog, com posts sobre a Costa Valley, sobre as startups da região, sobre os encontros e aprendizados em desenvolver uma comunidade de startups. Convido também os interessados em escrever suas experiências e aprendizados, a porta estará sempre aberta!

Enquanto isso, fica ligado no que acontece pela Costa Valley no Instagram e Facebook!

¹: a Costa Valley possui um exemplar do livro para quem quiser ler, se você faz parte da comunidade e tem interesse, basta pedir!

Comments

comments

dilojunior